Carregando Eventos

« Todos Eventos

Férias nos museus da USP promovem diversão e conhecimento para todos

janeiro 12 - fevereiro 29

No mês de janeiro há várias opções de atividades gratuitas dentro e fora dos campi da USP, na capital e no interior, para o público de todas as idades.

Os museus, institutos e centros culturais da USP são uma ótima opção de passeio nas férias de janeiro, garantindo diversão e aprendizagem ao mesmo tempo. Há várias opções de programação gratuita e para todas as idades, na capital e no interior. Confira abaixo:

 

São Carlos – Centro de Divulgação Científica e Cultural (CDCC)

Tardes de férias no CDCC – Foto: Divulgação/CDCC-USP

O CDCC tem programação especial até o dia 26 de janeiro, das 14h30 às 17 horas, com oficinas, palestras e jogos. É preciso fazer inscrição clicando neste link e na atividade desejada. As vagas são limitadas.

Voltada para o público infanto-juvenil, a programação conta com o Show da Física (dia 15); Geleca colorida e Cineminha com o filme Evolução da Baleia (dia 16); Matemática Divertida, oficina Flutua e Afunda e Construindo planadores de papel (dia 17); Geleca colorida, filme Donald no País da Matemágica e gincana matemática (dia 18); Varal de histórias, oficina O que faz o pão crescer? e Sextou no observatório (dia 19). Para conferir a programação completa clique aqui.

Além da programação de férias, os espaços de exposição do CDCC poderão ser visitados livremente, sem necessidade de inscrição, das 9h às 12h de terça a sexta-feira e das 14h30 às 17h de segunda a sexta-feira. Estão disponíveis os espaços Casa Maluca, Sala de Eletricidade, Jardim da Percepção, Exposição Bicho: Quem te viu, quem te vê”, Espaço Interativo de Ciências, Biblioteca com jogos educativos e Espaço Lúdico.

Acompanhe a programação pela página do centro e nas redes sociais Facebook e Instagram.

O CDCC fica na rua Nove de Julho, 1227, no centro, em São Carlos, São Paulo.

————————-

Museu do Ipiranga

Museu do Ipiranga tem exposição permanente dividia em dois eixos temáticos – Foto: Jessica Mangaba / MI

Nos dias 17, 19 e 20 de janeiro o museu vai oferecer oficinas de pintura, caça-detalhes e passatempos com jogos e materiais de mediação. Com as atividades, o público poderá conhecer de forma lúdica e divertida detalhes sobre o acervo do Museu. As ações terão inscrições gratuitas, com programações voltadas a diversas idades. Será necessário obter ingresso para acessar o museu, que é gratuito no dia 17 e com opções de inteira e meia-entrada nos dias 19 e 20.

Em parceria com o programa Sesc Mesa Brasil, o Museu do Ipiranga também está promovendo a segunda edição do Ação Contra a Fome, iniciativa que incentiva o público visitante do museu a doar alimentos no posto de arrecadação no local.

Os visitantes devem levar os alimentos não perecíveis nos dias de acesso gratuito ao museu, às quartas-feiras dos meses janeiro e fevereiro. Os ingressos gratuitos são limitados e sujeitos a disponibilidade, com distribuição feita a partir das 10 horas, individualmente, por ordem de chegada e sem agendamento. Como o museu está recebendo uma grande demanda de visitantes nesse período de férias escolares, os ingressos podem esgotar em pouco tempo.

Para visitar o museu em outros dias, o valor do ingresso é de R$ 30 (inteira), que pode ser comprado on-line pela plataforma Sympla neste link. Também é possível fazer a compra diretamente na bilheteria, a partir das 9 horas, com ingressos limitados.

O Museu do Ipiranga tem 11 exposições permanentes, contando com 3.700 itens de acervo, sendo que 353 deles receberam tratamento multissensorial, facilitando as interações táteis e olfativas – há salas com cheiros -, além de material em braile. Os objetos datam dos séculos 19 e 20, mas há itens mais antigos, que remontam ao Brasil colonial. São pinturas, esculturas, moedas, documentos textuais, fotografias, objetos em tecido e madeira e duas maquetes de grande porte.

O Museu do Ipiranga fica na Rua dos Patriotas 20, bairro do Ipiranga, em São Paulo. Acompanhe o museu no Facebook e no Instagram.

————————-

Museu de Zoologia (MZ)

Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

O Museu de Zoologia (MZ) da USP tem uma programação especial de férias de 12 a 28 de janeiro, às sextas, sábados e domingos, no horário das 13 às 17 horas. São jogos, leituras, oficinas, desenhos para colorir e atividades interativas envolvendo os temas do museu. No dia 12 de janeiro, sexta-feira, por exemplo, haverá a oficina de pintura Mariposas do Cerrado que será realizada pela bióloga e ilustradora científica Daniela Bená, que vai ensinar as técnicas e os segredos para criar belas ilustrações de mariposas. A oficina é gratuita e aberta para todos os públicos.

Além da programação de férias, também é possível conferir as exposições permanentes, que incluem um dos maiores acervos zoológicos da América Latina, com mais de 10 milhões de exemplares preservados. Na mostra Biodiversidade: Conhecer para Preservar o objetivo é discutir os padrões e processos da biodiversidade brasileira e conscientizar o público sobre a importância da preservação ambiental.

A exposição temporária A vida secreta dos peixes-elétricos traz exemplares vivos de três espécies, emprestados por meio de uma parceria com o Aquário de São Paulo, e outros conservados, parte da coleção do museu.

É possível visitar as exposições de quarta a domingo, inclusive feriados, das 10 às 17h, com última entrada às 16h30.

As visitas e atividades de férias são gratuitas. O MZ fica na Avenida Nazaré 481, no bairro do Ipiranga, em São Paulo. Saiba mais sobre o museu na página https://mz.usp.br e nas redes sociais Facebook e Instagram.

————————-

Museu de Arqueologia e Etnologia (MAE)

Foto: Reprodução/Site MAE

O museu vai oferecer atividades de férias do dia 15 a 24 de janeiro, das 14 às 17 horas, com atividades baseadas em uma das exposições que está em cartaz: a Resistência já! Fortalecimento e união das culturas indígenas Kaingang, Guarani Nhandewa e Terena. As atividades serão distribuídas em seis dias diferentes, e cada dia será atendida uma faixa etária: 15/01 (segunda-feira) crianças de 6 a 8 anos; 17/01 (quarta-feira) crianças de 9 a 11 anos; 18/01 (quinta-feira) crianças de 6 a 8 anos; 19/01 (sexta-feira) crianças de 9 a 11 anos; 22/01 (segunda-feira) adolescentes 12 a 16 anos; e 24/01 (quarta-feira) adolescentes de 12 a 16 anos. As vagas são limitadas e as inscrições gratuitas e abertas ao público. Para se inscrever o interessado deve entrar em contato através do e-mail ou do telefone do Educativo do museu.

Fora das atividades de férias, a exposição Resistência já! pode ser visitada de segunda, quarta, quinta e sexta-feira, das 9 às 17 horas. O visitante pode conferir fotografias, vestimentas e demais artefatos selecionados pelos próprios indígenas, para ensinar e aproximar os visitantes da cultura e das tradições dos povos indígenas do Brasil.

Também é possível ver a Reserva Técnica Visitável, uma coleção de arqueologia amazônica que conta com diferentes artefatos arqueológicos de várias regiões da Amazônia, e evidenciam as formas de ocupação indígena desses territórios. A reserva também é aberta à visitação para além do programa de férias, sendo necessário um agendamento prévio para o atendimento ao público.

Confira a página https://mae.usp.br e as redes sociais do museu: Facebook e Instagram. O MAE fica na Avenida Prof. Almeida Prado 1466, na Cidade Universitária, bairro do Butantã, em São Paulo.

————————-

Casa de Dona Yayá

Foto: Reprodução/PRCEU-USP

A programação de janeiro inclui o Domingo na Yayá com opções de atividades de cultura e extensão gratuitas e abertas ao público em geral.

No dia 14, da 11 às 12 h, haverá o Movimento e saúde mental: hatha yoga, uma aula aberta para iniciantes e praticantes de todas as idades, sem necessidade de inscrição. No dia 21, das 11 às 12h, haverá a Visita mediada: conheça a Casa de Dona Yayá com nossos monitores. No dia 28, das 11 às 15h, a casa oferece a Oficina de férias: a pré-história ao alcance de todos. Trata-se de uma oficina lúdica e educativa para confecção de réplicas de animais pré-históricos do Brasil e do mundo, de diferentes idades geológicas. Para crianças acima de sete anos e adultos. As inscrições devem ser realizadas no local.

O centro também promove roteiros pelo patrimônio da USP com visitas pela campus de São Carlos (dia 24, às 14 horas) e também pelo campus Butantã (dia 31, às 9 horas) com inscrições antecipadas neste link.

Confira a programação completa no site do CPC e nas redes sociais Facebook e Instagram.

A Casa de Dona Yayá fica na Rua Major Diogo, 353, no bairro do Bixiga.

————————-

Museu de Anatomia Humana (MAH)

Exposição De Humani Corporis Fabrica no Museu de Anatomia Humana da USP – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Durante os meses de janeiro e fevereiro, o Museu de Anatomia Humana (MAH) estará aberto para visitação de terça à sexta, das 9 às 12 horas e das 13 às 16 horas. A entrada é gratuita sem necessidade de agendamento. Ele abriga a preciosa coleção de peças anatômicas do Professor Alfonso Bovero, que datam desde o início do século XX.

Além do acervo permanente, os visitantes podem conferir a exposição De Humani Corporis Fabrica com fotografias de peças do museu, muitas delas preservadas há mais de 70 anos.  O título da exposição faz referência a obra de Andreas Vesalius que apresenta uma série de livros com ilustrações anatômicas publicado em 1534, com a representação anatômica que vai do desenho e gravura à fotografia.

O MAH está localizado na Avenida Prof. Lineu Prestes 2415, na Cidade Universitária, bairro do Butantã, em São Paulo. Para saber mais acesse a página http://museu.icb.usp.br ou as redes sociais Facebook e Instagram.

————————-

Itu – Museu Republicano de Itu

Visitantes na abertura da exposição “Cores Nyotas”, que segue aberta até abril de 2024 – Foto: Jean Gomes de Souza/MRI

O Museu Republicano de Itu preparou diversas atividades para o mês de janeiro direcionadas ao público de todas as faixas etárias. As ações educativas buscam refletir sobre a presença das mulheres na narrativa das exposições e dos acervos do Museu Republicano.

As atividades inspiram-se no diálogo entre as fotografias contidas na exposição Cores Nyotas e nas telas expostas recentemente em diferentes exposições do museu. A exposição é composta por uma série de 18 retratos em grande formato sobre o Grupo de Mulheres Negras Nyotas, em parceria com a fotógrafa Pola Fernandez.

No dia 17 de janeiro, às 14 horas, haverá a oficina de bonecos de papel As cores tecidas no museu, para crianças a partir dos cinco anos. A partir dos retratos do acervo do museu com representações femininas, os participantes serão convidados a criar uma boneca de papel para pensar sobre as vestimentas e representação das retratadas.

No dia 24, às 14h30, haverá roda de conversa sobre a exposição Cores Nyotas e oficina de turbantes com o Grupo de Mulheres Negras de Salto Nyotas e a artista Pola Fernandez.

No dia 27, às 11h, acontece a contação de histórias Com quantos fios se faz uma história? inspirada no livro Vestido de Menina de Tatiana Filinto e ilustração de Anna Cunha. Às 14 horas haverá a oficina educativa As mulheres do museu vestem chita: raça, classe e gênero, atividade prática de colagem em tecido utilizando chita e reproduções de telas do acervo.

Mais informações no site https://museurepublicano.usp.br ou Instagram.

O Museu Republicano de Itu fica na rua Barão do Itaim, 67, no centro histórico da cidade de Itu, em São Paulo.

————————-

Piracicaba – Museu e Centro de Ciências, Educação e Artes Luiz de Queiroz

Museu Luiz de Queiroz – Foto: Roberto Amaral/Esalq

Sediado na Escola Superior Luiz de Queiroz (Esalq) da USP de Piracicaba, o museu promove até o dia 31 de janeiro, de segunda a sexta, das 8 às 17 horas, a exposição Vamos falar de Astronomia. A entrada é gratuita e aberta ao público de todas as idades.

A exposição conta com quatro ambientes temáticos, promovendo conhecimentos por meio de experimentos, práticas e materiais lúdicos, com o objetivo de proporcionar a interação entre o visitante e a mostra. A sala 1 possui os temas: O que é a astronomia, Mulheres na astronomia, Telescópio, Esfera armilar, além de Bússola, Astrolábio e Sextante. A sala 2 traz os temas Experimentos, O Universo, Galáxia e planetas e Estrelas e buracos negros. A sala 3 traz conteúdos sobre Constelações e Eclipse, e a sala 4 Estações do ano e Calendário.

Mais informações na página do museu neste link e no Instagram.

O museu fica ao lado do Pavilhão da Engenharia da Esalq, na avenida Pádua Dias, 11, em Piracicaba, São Paulo.

 

Por Jornal da USP

Detalhes

Início:
janeiro 12
Final:
fevereiro 29
Categoria de Evento:

Organizador

USP – Universidade de São Paulo
Website:
https://www5.usp.br/

Local

Os Campi da USP – Capital e Interior