Carregando Eventos

« Todos Eventos

Cineclube CDCC – Programação de Fevereiro

fevereiro 9 às20:00 - fevereiro 23 às20:00

Com sessões gratuitas aos sábados, às 20 horas, o Cineclube do Centro de Divulgação Científica e Cultural (CDCC) da USP, em São Carlos, promoverá a seguinte programação no mês de fevereiro de 2019:

Dia 09 – Stromboli

Stromboli, Terra di Dio, EUA/Itália, 1950, Drama, 107 minutos
Direção: Roberto Rossellini
Elenco: Ingrid Bergman, Mario Vitale, Renzo Cesana, Mario Sponzo

Enquanto a Europa passa por um de seus piores momentos da história da humanidade por conta da Segunda Guerra Mundial, Karin, uma exilada italiana que reside em um campo de refugiados, vive um romance com o marinheiro Antônio que esporadicamente a visita do outro lado do arame farpado. Após ter seu visto de entrada recusado pela Argentina, a única oportunidade que Karin enxerga para sair desse campo de refugiados é aceitando o pedido de casamento de Antônio, que a convida para morar em sua casa numa pacata ilha: Stromboli.

Chegando na ilha, Karin se depara com um lugar devastado por uma força da natureza presente no local: um vulcão ativo que destrói as casas e transforma tudo em ruínas. Mas isso não é um problema para alguns habitantes de Stromboli que, mesmo cientes desse perigo, insistem em ficar no local. Ao se deparar com toda inospitalidade do lugar e a antipatia com que a pequena população a recebe, Karin percebe que não tomara a melhor decisão para a sua vida ao aceitar morar com seu marido. Não demora para que a mulher comece a ser atormentada pelos moradores com intrigas, mal olhados e mentiras sobre sua pessoa, comportamentos esses que geram conflitos entre ela e Antônio, deixando-a cada vez mais deprimida e desesperada para sair da isolada ilha.

O longa, dirigido Roberto Rosselini, mostra toda a frustração vivida por Karin enquanto a personagem tenta, de alguma maneira, se acostumar com a realidade totalmente oposta da qual estava acostumada a viver nas grandes cidades. O diretor busca expor, de maneira realista, os conflitos internos vividos pelo ser humano enquanto indivíduo numa sociedade decadente e fatalista. Essas são características do neorrealismo italiano, que surgiu no final da Segunda Guerra Mundial, liderado por grandes cineastas italianos como Russolini, um dos representantes desse movimento que surgiu com a decadência do fascismo italiano. Com a ajuda de Ingrid Bergman, a célebre atriz hollywoodiana que interpreta a protagonista do enredo, consegue, de forma exímia, transmitir para o telespectador toda a angústia e sofrimento que a personagem vive, nos fazendo refletir sobre quão injusto, bruto e impiedoso o mundo pode ser.

Douglas Gomes Lima dos Santos

NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Tema: Relações humanas
Contém: Violência

_______________________________________________________________________________________________________________

Dia 16  – Ontem, Hoje e Amanhã

Ieri Oggi Domani, Itália/França, 1963, Comédia Romântica, 118 minutos
Direção: Vittorio De Sica
Elenco: Sophia Loren, Marcello Mastroianni, Aldo Giuffrè

Um casal que, a cada filho feito, a mulher torna-se cada vez mais bela e o marido menos disposto para engravidá-la; um encontro nada agradável entre uma socialite e um trabalhador comum; uma meretriz que faz votos de castidade por um jovem que sonha em ser padre e prestes a largar os estudos. Essas três histórias, que exploram o cotidiano italiano da década de 60 em situações que beiram o absurdo, são encontradas neste divertidíssimo longa de Vittorio De Sica, um dos mais importantes cineastas do cinema italiano.

Na primeira trama é contada a história de Adelina e Carmine: ela, uma típica mãe italiana que ganha a vida vendendo tabaco contrabandeado para sustentar seu preguiçoso marido que se encontra desempregado após sair do serviço militar. O casal se depara com um grande problema quando Adelina é acusada pelas autoridades de contrabando e precisa pagar uma fiança de valor absurdo para que continue em liberdade. Explorando uma brecha na lei, o casal encontra uma forma para que Adelina não seja presa: não parar de ter filhos. Porém, após algumas gestações, Carmine se vê totalmente indisposto e infértil, enquanto sua mulher está cada vez mais deslumbrante. Logo os dois precisam arrumar uma outra saída para que Adelina não vá para atrás das grades.

O enredo seguinte explora o encontro entre Anna, uma riquíssima habitante de Milão que exalta as superficialidades de uma figura feminina que não liga para nada a não ser o dinheiro, e Renzo, seu amante intelectual que trabalha para ganhar a vida e tenta conquistar a milionária mulher. Tudo vai bem até que Renzo bate o elegante carro de Anna, o que acarreta em desavenças entre os dois.

A terceira e última história mostra a relação entre o empresário Augusto que tenta desesperadamente ter relações com Mara, uma sensual e carismática prostitua que leva a vida fazendo dinheiro com seus programas e conquistando seus clientes. Tudo muda quando ela conhece Umberto. Este, um seminarista que sonha em ser padre, se apaixona pela moça, a qual faz um voto de castidade para que o garoto não abandone seus estudos religiosos, o que gera uma frustação cada vez maior em Augusto que sempre encontra algo que o impede de chegar aos “finalmentes” com Mara.

Com enredos que exploram o neorrealismo italiano, como usar elementos reais em histórias fictícias, a obra consegue prender e divertir o espectador durante toda a sua duração, aproveitando a excelente química entre Marcelo Mastroianni e Sophia Loren que interpretam os personagens dos três casais e apresentam uma sintonia que consegue cativar qualquer pessoa que vê essas duas celebridades atuando juntas.

Douglas Gomes Lima dos Santos

NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Tema: Relações humanas
Contém: Erotização e diálogo adulto

_______________________________________________________________________________________________________________

Dia 23 – Os Amores de Pandora

Pandora and the Flying Dutchman, Reino Unido, 1951, Drama, 122 minutos
Direção: Albert Lewin
Elenco: James Mason, Ava Gardner, Nigel Patrick

Até que ponto você chegaria por alguém que você ama? Essa é a principal ideia utilizada nesse filme de Albert Lewin. O cerne do longa explora o mito do Holandês Voador, um navegador que é condenado a velejar sozinho em um navio fantasma pela eternidade até que encontre uma mulher que o ame a ponto de morrer.

Pandora, uma atraente mulher que, ciente do seu poder sobre os homens, faz vítimas na cidade situada a beira mar de Esperanza, fazendo-os cometerem atos inconsequentes enquanto estão apaixonados pelo seu jeito sedutor. A vítima da vez é Stephen, um aficionado por corridas que sonha em bater um recorde de velocidade. Até conhecer e se apaixonar por Pandora, o mais importante em sua vida era seu carro possante, que é destruído como forma de prova de seu amor por ela.

Prometendo casar-se com Stephen depois de tal provação, Pandora se vê em um dilema depois de conhecer um misterioso capitão holandês, Hendrick Van Der Zee, um viajante que embarca no litoral espanhol. Certa noite, ela entra em seu navio e se depara com o enigmático homem a pintar um retrato que, para a surpresa da mulher, é muito parecida com ela mesma. Então, com o desenvolver dessa relação, floresce um sentimento entre os dois e logo ambos se encontram completamente apaixonados. Enquanto isso, Pandora é vítima dos surtos de ciúmes do agressivo toureiro Juan, que também está apaixonado por ela e tenta a todo custo acabar com Hendrick.

O filme desenvolve-se nessa trama de ritmo lento e enredo novelesco, misturando realismo com fantasia, tendo ótimas atuações de James Mason (Hendrick) e Ava Gardner (Pandora). Com uma atmosfera marcante remetendo ao passado, o longa conta com ótimos planos e cenas belíssimas que encantam os olhos com a qualidade das cores para a época em que foi gravado.

Douglas Gomes Lima dos Santos

NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Tema: Relações humanas
Contém: Consumo de drogas lícitas e assassinato

Detalhes

Início:
fevereiro 9 às20:00
Final:
fevereiro 23 às20:00
Categorias de Evento:
, , ,
Website:
http://www.cdcc.usp.br/cineclube/filmes.html

Organizador

CDCC-USP – Centro de Divulgação Científica e Cultural
Telefone:
(16) 3373-9772
Website:
http://www.cdcc.usp.br

Local

Cineclube CDCC
Rua Nove de Julho, 1227 - Centro
São Carlos, São Paulo Brasil
+ Google Map
Telefone:
(16) 3373-9772
Website:
braz@cdcc.usp.br